Treinos e Provas // 26 jan 2017

Por que vale a pena fazer um check up esportivo

Por divasquecorrem

Sabe aquela papo de mãe de que não precisa ficar doente ou se machucar para ir ao médico se cuidar? Pois é. Na corrida, essa é a opção mais inteligente de quem pretende evitar aqueles sustos no meio do ano e descobrir uma lesão ou problema no organismo que a obrigue parar é fazer o check esportivo: uma ida ao cardiologista, ortopedista, fisioterapeuta, ginecologista e uma boa bateria de exames.

checkupesportivo-giselli

Independente da idade e embora as academias e as assessorias esportivas hoje em dia não exijam mais o atestado médico, pela sua própria segurança, é melhor sempre dar uma olhada no seu corpo nesta época. Não custa nada. Ou melhor, até custa, especialmente se você não tem convênio.

Mas, hoje em dia, com as clínicas populares e mesmo para quem já possui convênio, as opções de reembolso, vale a pena o investimento. Da mesma forma que você gasta quase R$ 1000 em tênis e inscrições de provas ao longo do ano, porque não dedicar parte desse dinheiro à sua saúde?

Faça exames, consulte o seu médico e mesmo que não sinta dor em nada e ache que está tudo bem, faça todos os exames só para ter certeza de tudo. Assim, você não só evita surpresas futuras e até frustrações de descobrir um problema sério na véspera de um desafio que você se preparou, gastou uma grana já na viagem, etc. como também pode arriscar a própria vida.

checkesportivo2-giselli

Divas, por mais legal que possa ser a corrida, saudável mesmo é quem faz um jogging 3x por semana no parque por no máximo 40 minutos. Correr 10km, 21km, 42km, ultra e encaixar na rotina musculação, outras atividades, somada ainda a rotina profissional e, às vezes, de mãe, não é pra qualquer mulher.

Portanto, se cuide. Até porque ninguém vai fazer isso por você além de você mesma.

Bons treinos!

Veja mais!

2 COMENTÁRIOS

Comentários fechados.